Nesta hora a melhor coisa é esfriar a cabeça, raciocinar e buscar a técnica: sentar, conversar e analisar todas as possibilidades para prosseguir com os diagnósticos.
Checamos tudo e entregamos o veiculo para o cliente.
Retiramos o mesmo e examinando minuciosamente e não conseguimos detectar no cabeçote e nem no bloco do motor gravidade ao ponto de passar óleo para a água.Primeiro é fixado no bloco o suporte do filtro na galeria de lubrificação principal do motor, depois o intercambiador e por ultimo o filtro de óleo.Descoberta do defeito Sabem como descobrimos?Quatro dias e um para montar novamente.Lavamos todo o sistema de arrefecimento e montamos novamente o cabeçote e as demais peças, pois poderia ser aquele pequeno empenamento e ainda uma possível má vedação da junta do cabeçote que é de metal.Outras possibilidades de passagem de óleo para a água: Também devemos levar em considerações que nem sempre o radiador de óleo é o vilão, existem vários outros locais no motor com estas possibilidades de passagem de óleo para a água.
Vou dar aqui uma dica verídica de passagem de óleo para a água que pegamos em nossa oficina.
Pergunta muito comum para a maioria dos mecânicos e proprietários de veículos.
Agora quando o problema é óleo na água, aí ficam muito mais complexos os diagnósticos porque existem mecanismos ou situações difíceis de detectar de imediato e testes serão necessários.
Quando se tem o ponto exato do problema fica bem mais fácil, mas quando não, complica bastante.
Estes sistema é usual nos motores Golf,.0, Peugeot, Maxion S4 e outros.
Porque que está instalado nesta região?Neste caso o uso de aditivo é essencial.Dica: Passagem de óleo para a água; Veiculo: Blazer.8 4 cilindros 8v, fabricante,.Colocamos rapidamente ar comprimido e bem vedado para não vazar.Analisando então as possibilidades chegamos à conclusão que a passagem de óleo para a água era através da galeria principal do óleo do motor.


[L_RANDNUM-10-999]